• Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira destaca-se em distinções Internacionais e Nacional

    A Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira celebra com orgulho os bons resultados conseguidos até ao momento, nos concursos de vinhos renomados tanto a nível nacional como internacional, destacando o melhor que se produz no Douro Superior pelo mundo.

    O ano de 2024 tem-se demonstrado para a Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira, um excelente ano em distinções de excelência aumentando o valor do melhor que se faz na região do Douro Superior e Portugal.

    A destacar a Grande Medalha de Ouro e Revelação Vinhos Brancos de Portugal no Concurso Mundial de Bruxelas 2024 com o vinho Quinta dos Castelares Colheita Branco do ano de colheita de 2023.

    Recentemente, a Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira recebeu 10 distinções no Decanter World Wine Awards, uma competição mundial reconhecida pelo seu respeito e rigor nas avaliações.

    Fruto do árduo trabalho e com foco na oferta de vinhos de qualidade, a Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira conta até ao momento com 31 distinções, na sua maioria medalhas de ouro e prata.

    Com Medalha de Ouro foram reconhecidos os vinhos:

    • Quinta dos Castelares Colheita Tinto 2022 (Decanter World Wine Awards 2024, também recebeu a distinção de Best Value)
    • Quinta dos Castelares Superior Tinto 2020 (Decanter World Wine Awards 2024, também recebeu a distinção de Best Value)
    • Quinta dos Castelares Reserva Tinto 2020 (Concurso Mundial de Bruxelas 2024)
    • Fronteira Private Selection 2017 (Concurso Vinhos de Portugal 2024)

    Já com Medalha de Prata foram distinguidos os vinhos:

    • Quinta dos Castelares Grande Reserva Tinto 2020 (Concurso Mundial de Bruxelas 2024)
    • Quinta dos Castelares Colheita Tinto 2022 (Concurso Mundial de Bruxelas 2024)
    • Quinta dos Castelares Chardonnay 2022 (International Wine Challenge 2024)
    • Fronteira Reserva 2021 (International Wine Challenge 2024)
    • Quinta dos Castelares Superior Tinto 2020 (Concurso Vinhos de Portugal 2024)
    • Quinta dos Castelares Reserva Tinto 2020 (Concurso Vinhos de Portugal 2024)
    • Fronteira Reserva Tinto 2018 (Concurso Vinhos de Portugal 2024)

     

    Os fundadores ressalvam o orgulho que sentem e a satisfação do reconhecimento que têm recebido por todo o trabalho desenvolvido ao longo destes 9 anos de existência.

    É com grande orgulho que vemos o nosso caminho a ser trilhado, estas premiações demostram que o trabalho e esforço realizado é compensatório. Um muito obrigado, principalmente à equipa que trabalha todos os dias na produção da uva, faça chuva, faça sol e claro não podemos esquecer dos nossos parceiros e clientes.

     

    A Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira é detentora das marcas Quinta Castelares e Fronteira. As duas marcas oferecem um leque alargado de vinhos de qualidade e de excelência. Os mesmos têm apresentado um crescimento expressivo nos 4 cantos do mundo, levando como sua bandeira o que melhor se faz no Douro Superior.

    A Quinta dos Castelares está localizada em Freixo de Espada à Cinta, no Douro Superior, enquadrada pelo Parque Natural. Preza na preservação das técnicas de cultivo ancestrais com a combinação com os mais recentes desenvolvimentos em matéria de viticultura, focando-se na sustentabilidade ambiental. A sua aposta no baixo nível de mecanização e baixas produções por hectares influenciam na oferta dos excelentes vinhos que tem vindo a apresentar ao mercado.

     

    Aproveite e faça a sua encomenda aqui!

  • Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira Conquista mais 10 Medalhas no Decanter World Wine Awards 2024

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    Continuamos na corrida do reconhecimento dos bons vinhos que produzimos. É com um enorme orgulho que divulgamos os resultados recebidos do Decanter World Wine Awards 2024.

    Contamos com mais 10 Medalhas nos seguintes vinhos:⠀⠀⠀⠀⠀⠀

    Medalha de Ouro e Best Value

    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

    Medalha Bronze

     

    O Decanter World Wine Awards 2024 contou este ano com mais 18.000 vinhos provenientes de 57 países. O painel contou com cerca de 243 especialistas de vinhos, 20 Masters Sommeliers e 61 Masters of Wine de 33 países.

    Salientou-se que Portugal apresentou resultados que demonstram a tendência ascendente ao longo desta última década, atingindo o seu desempenho global mais forte até à data. O nosso país este ano conseguiu conquistar 13 medalhas de platina, feito que tinha sido alcançado no ano de 2021, e garantiu 45 medalhas de ouro.

    A Decanter World Wine Awards é uma competição mundial de vinhos que conquistou o seu respeito por ser bastante meticuloso no processo de avaliação e pelo seu excelente painel de jurados.

    Reconhecido internacionalmente, o concurso serve de fonte de referência para recomendações de melhores vinhos do mundo.

     

    Aproveite e faça a sua encomenda aqui!

  • Vinificação dos nossos Vinhos Brancos

    Os vinhos brancos são uma expressão encantadora da delicadeza e da complexidade da uva.
    O seu processo de vinificação envolve uma série de cuidados desde o momento da colheita até ao momento em que o vinho é engarrafado.
    Neste artigo, vamos explorar a fascinante jornada da vinificação.

    Conheça cada etapa do processo e quais os elementos que contribuem para a criação de um vinho branco excecional:

    1. Seleção das Uvas:
    Tudo começa nas vinhas, onde as uvas são cuidadosamente selecionadas para a vinificação de vinhos brancos.
    Diferentes variedades de uvas brancas são escolhidas com base em fatores como o terroir, as condições climáticas e as preferências do enólogo.
    A qualidade das uvas desempenham um papel crucial na determinação do caráter e da complexidade do vinho final.

    2. Colheita:
    A colheita das uvas brancas geralmente ocorre durante os meses mais frescos do ano, quando as uvas atingem o seu ponto ideal de maturação.
    As uvas são colhidas manualmente tendo em conta as práticas da vinícola e do estilo que é desejado para o vinho.
    A colheita no momento certo é essencial para garantir a concentração ideal de açúcares, acidez e aromas nas uvas.

    3. Prensagem:
    Após a colheita, as uvas brancas são levadas para a prensagem, onde são delicadamente esmagadas para extrair o suco.
    Esta pode ser feita de forma suave para preservar os aromas delicados e os sabores das uvas.
    O suco resultante, conhecido como mosto, é, então, transferido para tanques de fermentação para dar início ao processo de vinificação.

    4. Fermentação:
    A fermentação é o estágio crucial da vinificação de vinhos brancos, onde o açúcar do mosto é transformado em álcool e dióxido de carbono.
    A maioria dos vinhos brancos passa por fermentação alcoólica em tanques de aço inoxidável ou barricas de carvalho, a uma temperatura controlada para preservar os aromas e sabores naturais das uvas.
    Alguns vinhos brancos também podem passar por fermentação malolática, que suaviza a acidez e adiciona complexidade ao vinho.

    5. Maturação e Envelhecimento:
    Após a fermentação, alguns vinhos brancos são submetidos a um período de maturação e envelhecimento, onde desenvolvem os seus sabores e aromas característicos.
    Alguns são envelhecidos em barris de carvalho para adicionar complexidade e notas, enquanto outros são mantidos em tanques de aço inoxidável para preservar sua frescura e frutado.

    6. Filtração, Estabilização e Engarrafamento:
    Antes do engarrafamento, o vinho branco passa por processos de filtração e estabilização para remover quaisquer sedimentos e garantir sua clareza e estabilidade.
    Uma vez prontos, os vinhos brancos são engarrafados e estão prontos para serem apreciados.

    A vinificação de vinhos brancos é verdadeiramente uma arte, que combina ciência, técnica e paixão para criar vinhos que cativam os sentidos e encantam o paladar.
    Da escolha das uvas até ao seu envelhecimento, cada etapa do processo contribui para a criação de vinhos brancos excecionais que refletem a essência da terra e o talento do enólogo.

    Agora já sabe! Da próxima vez que saborear um vinho branco, lembre-se de toda a jornada que ele percorreu e aprecie cada gole como uma obra-prima da vinificação.

     

    Encomende os seus aqui!

  • Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira Conquista a Grande Medalha de Ouro no Concurso Mundial de Bruxelas 2024

     

     

    É com um enorme orgulho que publicamos a conquista de 4 medalhas e a categoria Revelação Vinho Branco de Portugal no 31º Concurso Mundial de Bruxelas 2024.

    Grande Medalha de Ouro e Revelação Vinhos Brancos de Portugal para o vinho Quinta dos Castelares Colheita Branco 2023

    Medalha de Ouro para o vinho Quinta dos Castelares Reserva Tinto 2020

    Medalhas de Prata para os vinhos:

     

    Portugal manteve a sua excelente posição, demonstrando-se como o grande país produtor de vinho, conseguindo que mais de 35% dos seus vinhos a concurso fossem medalhados.

    A região do Douro foi a região que apresentou os melhores resultados, arrecadando a grande parte das medalhas, como ainda conseguiu uma Revelação na categoria “Low alcohol”, uma Revelação Nacional de Vinhos Brancos e duas grandes Medalhas de Ouro. Estes dois últimos arrecadados pelo nosso vinho Quinta dos Castelares Colheita Branco 2023.

    O 31º Concurso Mundial de Bruxelas realizou-se nos passados dias 7 a 9 de junho, este ano em Guanajuato, no México. O concurso é conhecido por ser o maior concurso de vinhos itinerantes do mundo e reúne vários especialistas de todo o setor vitivinícola internacional que provam às cegas os vinhos inscritos no concurso, apenas recebendo a indicação de que ano é a colheita. Este ano o evento contou com quase 7.500 vinhos brancos e tintos de 42 países de todo o mundo.

     

    Faça a compra dos mesmos por aqui.

  • Harmonização de Vinhos Brancos

    Os vinhos brancos oferecem uma ampla gama de aromas e sabores, desde os frescos e frutados até aos mais encorpados e complexos.
    A sua versatilidade na harmonização com alimentos, torna-os uma escolha ideal para uma variedade de pratos e ocasiões.

    Neste artigo, vamos explorar como encontrar a combinação perfeita entre vinhos brancos e diferentes tipos de comida, elevando, assim, a experiência gastronómica para outro patamar.

     

    1. Vinhos Brancos Leves e Frutados:
    Os vinhos brancos leves são conhecidos pelos seus aromas frescos e frutados, bem como pela sua acidez vibrante.
    Eles harmonizam bem com os pratos leves e frescos, como saladas, frutos do mar e aperitivos.

    2. Vinhos Brancos Encorpados e Complexos:
    Os vinhos brancos encorpados oferecem uma riqueza de sabores e texturas que se destacam quando são combinados com pratos mais substanciais e ricos no sabor.
    Eles são ideais para acompanhar aves gordurosas, peixes grelhados com molhos cremosos e massas à base de queijo.

    3. Vinhos Brancos Aromáticos e Florais:
    Os vinhos brancos aromáticos são conhecidos pelos seus aromas florais e frutados intensos.
    Eles são excelentes para harmonizar com os pratos picantes e exóticos, bem como sobremesas à base de frutas.

     

    Dicas Gerais para Harmonização de Vinhos Brancos:

    Acidez e Frescura: Escolha vinhos brancos com uma boa acidez e frescura para pratos mais leves e frescos, pois eles ajudam a limpar o paladar e a equilibrar os sabores.

    Intensidade dos Sabores: Combine a intensidade do vinho branco com a intensidade dos sabores do prato. Pratos mais leves pedem vinhos mais leves, enquanto pratos mais ricos e intensos combinam melhor com vinhos brancos encorpados e complexos.

    Experimentação: Não tenha medo de experimentar diferentes combinações de vinhos brancos e alimentos para descobrir as suas harmonizações favoritas. Aproveite para explorar e descobrir novos sabores e combinações.

     

    Em resumo, os vinhos brancos oferecem uma infinidade de possibilidades de harmonização, desde os leves e frescos até os mais encorpados e complexos. Ao considerar os aromas, sabores e texturas tanto do vinho quanto do prato, pode criar experiências gastronómicas memoráveis.

  • International Wine Challenge 2024 atribui 10 prémios à Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira

    É com grande satisfação que divulgamos os resultados do concurso do International Wine Challenge 2024.

    A Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira recebe mais 10 prémios nos seguintes vinhos:

    Medalha de Bronze

    • Quinta dos Castelares Colheita Tinto, 2022
    • Quinta dos Castelares Superior, 2020

     

    Medalha Prata

    • Quinta dos Castelares Chardonnay, 2022
    • Fronteira Reserva, 2021

     

    Prémio Recomendação

    • Quinta dos Castelares Colheita Branco, 2023
    • Quinta dos Castelares Rosé Pinot Noir, 2022
    • Quinta dos Castelares Vinhas a Norte, 2022
    • Quinta dos Castelares Reserva, 2020
    • Quinta dos Castelares Grande Reserva, 2020
    • Fronteira Grande Reserva, 2018

     

    O concurso da International Wine Challenge é realizado por um júri conceituado na área e tem como objetivo de garantir que a avaliação seja o mais justa e imparcial.

    Todos os vinhos são avaliados em condições de igualdade. O processo possui várias fases para garantir que apenas os melhores recebem o reconhecimento merecido.

    A avaliação dos mesmos é feita de forma anónima, ou seja, sem marca, de modo que o vinho seja avaliado pelo júri especialista de forma individual e que o julgamento seja baseado nas suas qualidades.

     

    Faça a compra dos mesmos por aqui.

  • Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira conquista 4 medalhas na 11ª Edição do Concurso Vinhos de Portugal 2024

    É com grande orgulho que anunciamos que ganhamos 4 medalhas na 11ª Edição do Concurso Vinhos de Portugal 2024.

    Medalha de Ouro com o nosso Fronteira Private Selection 2017

    Medalha de Prata com os:

    • Fronteira Reserva, Tinto 2018
    • Quinta dos Castelares Reserva, Tinto 2020
    • Quinta dos Castelares Superior, Tinto 2020

     

    O Concurso Vinhos de Portugal é um evento de referência no sector. O mesmo reúne os produtores, especialistas, sommeliers e influenciadores nacionais e internacionais durante dias para trocarem experiências e conhecimentos na área. A iniciativa tem como objetivo a projeção do plano internacional da imagem da marca Vinhos de Portugal e dos seus vinhos, como distinguir e dar a conhecer aos consumidores os melhores vinhos produzidos com direito Denominação de Origem (DO) Indicação Geográficas (IG) e os vinhos de casta e/ou ano de colheita.

    A mesma tem como finalidade de ser o estímulo à produção de vinhos com qualidade, valorizando o nível técnico e comercial dos vinhos portugueses levando a contribuir para a expansão da cultura do vinho em geral.

  • WineAlign distingue Quinta dos Castelares Reserva 2020

    É com enorme orgulho que partilhamos consigo a distinção do nosso Quinta dos Castelares Reserva 2020 DOC Douro.
    Este destaque feito pela WineAlign demonstra o trabalho e o esforço contínuos feitos pela nossa equipa.
    A WineAlign  é um “tesouro” de críticas de vinhos e artigos dos críticos de vinhos mais aclamados do Canadá e a “casa” dos National Wine Awards of Canada.
  • Um copo de vinho é um convite para explorar novos sabores

    Na atmosfera da Quinta dos Castelares, a simples elevação de um copo de vinho tinto transcende a mera degustação. Cada elemento oferece uma experiência que vai além do normal e esconde o extraordinário universo dos vinhos tintos de qualidade.

    O primeiro copo de vinho revela camadas de frutas maduras, que demonstra a harmonia entre taninos suaves e acidez equilibrada, que proporciona uma experiência cativante que evolui a cada gole.

    Desde as vinhas bem cuidadas até a adega, cada passo do processo de vinificação é revelado e proporciona uma compreensão mais profunda e apreciação pela magia contida em cada garrafa.

    Ao erguer o seu copo de vinho tinto na Quinta dos Castelares, permita-se ser envolvido pela riqueza de sabores que se desdobram diante de si. Este é um convite para explorar o universo de prazeres gustativos que somente um vinho excecional pode oferecer.

  • Paixão pela viticultura

    As nossas vinhas são terroirs enraizados na nossa paixão pela viticultura. Cada videira é cultivada com carinho e cada cacho é uma promessa de qualidade. Acreditamos que o verdadeiro sabor do vinho começa nas raízes, na relação simbiótica entre o solo, o clima e a dedicação incansável da nossa equipa.

     

    Na Quinta dos Castelares, a vinificação é uma celebração da tradição e inovação, o que resulta em vinhos que refletem a riqueza do nosso património vitícola. Cada garrafa é uma obra-prima.

     

    À medida que as uvas amadurecem sob o sol generoso, cada colheita é uma celebração da paciência e da natureza, onde cada etapa é executada com mestria para preservar a autenticidade das nossas uvas.

     

    Ao degustar um vinho da Quinta dos Castelares, convidamos todos a explorar as nuances que se desdobram em cada gole. Cada aroma é uma viagem às vinhas, cada sabor é uma homenagem à tradição. Cada garrafa Quinta dos Castelares conta uma história.